Review: FiiO EM3

Introdução

A Fiio é uma empresa Chinesa especializada em produtos de audio criada em 2007 com o intuito de associar à famosa frase “Made in China” um toque de qualidade, algo que ao longo dos anos foram sem dúvida conseguindo.

Hoje em dia vendem diversos produtos como DAP’s, DAC’s, amplificadores e earphones.

Hoje vamos testar os seus earphones de entrada de gama, os Fiio EM3 que estão avaliados entre os 10 e os 15€, que prometem um som sem compromissos a um preço simpático. Conseguirão cumprir com estas promessas? Vamos conferir!

Embalagem/Apresentação

A embalagem exterior é feita de cartão, fugindo ao tradicional plástico, com uma ilustração dos earphones e a designação do modelo.

A embalagem interior conta com uma pequena caixa em cartão que contêm os 3 pares de esponjas, e uma secção coberta por um plástico fosco onde se encontram os earphones.

Passando para os earphones em si, aqui ficam as especificações da marca:
IMG_20160722_161322233 (Medium)

O cabo com 1,2m tem o comprimento perfeito, mesmo para pessoas mais altas conseguirem confortavelmente ter o smartphone no bolso das calças.

Um ponto positivo é que, por exemplo, ao raspar com o cabo na roupa, não se ouve nada nos earphones, como costuma acontecer com produtos nesta gama de preços, mostrando que o cabo tem um bom isolamento.

O ponto menos bom é que para além de ser fino, é bastante propenso a reter dobras.

Os earphones em si são feito em plástico preto, com alguns detalhes em preto brilhante.

Conforto

Não há muito a dizer quanto ao conforto, são muito semelhantes às restantes ofertas nesta gama de preços, os earphones mantêm-se bem na orelha mesmo se estiver-mos a andar. No entanto não serão a companhia ideal para situações de exercício físico que exijam movimentos mais bruscos.

Microfone/Controlo Multimédia

Isto é uma características que nos surpreendeu nos EM3, especialmente devido ao seu custo, mas é uma adição muito bem vinda.

No cabo que sai do lado direito encontra-se um botão com um microfone embutido. Tem apenas um botão onde se controla várias coisas:

Se estivermos a ouvir música:

Um Clique – Play/Pausa;

Dois Cliques – Avança para a próxima música;

Três Cliques – Recua para a música anterior;

Em Chamada:

Um Clique – Atende a chamada, ou se já estiver em chamada faz mute ao microfone;

Pressionar durante 1 segundo – Termina a chamada.

A qualidade do microfone é surpreendentemente boa especialmente quando o seguramos próximo da boca.

Na sua posição normal nota-se a voz mais distante como seria de esperar mas mesmo assim nota-se uma menor quantidade de ruído de fundo que o micro do LG G4, o que surpreendeu bastante.

Qualidade de som

Os EM3 aqui surpreenderam pela positiva!

Rapidamente percebe-se que eles dão-se bem com músicas com vocais bem presentes.

O álbum “I Am” dos Earth Wind and Fire é um prazer ouvir nestes earphones.

O som das vozes é bastante natural sem serem demasiado frontais, revelando bastante bem a emoção do artista. Isto mostra que as frequências médias estão bem afinadas, logo gravações acústicas com instrumentos de cordas são muito bem representadas.

As frequências mais altas, apesar de transmitirem um bom detalhe, conseguem ser um pouco fatigantes, nada que uma mexida no equalizador não resolva, mais especificamente, baixar entre 1 a 1,5 decibéis a zona entre os 10 e os 14KHz.

No que toca às frequências baixas, estes conseguem bater os seus concorrentes mais próximos, os Sennheiser MX 365, conseguindo ter bem mais presença nessas frequências, no entanto beneficiaria de uma maior extensão, especialmente para os amantes de Reggae ou géneros eletrónicos como Dubsted ou Hardstyle.

Aspetos Positivos:

Embalagem fora do comum para esta gama de preços, fugindo as tradicionais plásticos baratos.

Botão de controlo de multimédia com microfone.

Vocais muito naturais com um detalhe bastante bom nas frequências altas.

Preço 10/15€.

Aspetos Negativos:

Extensão das frequências baixas deixa a desejar;

A inclusão de esponjas com diferentes espessuras para melhorar o ajuste seria uma boa adição.

Clica para discutir no Forum JotaReviews

1Comentários

Avaliação:
Design:
6
Qualidade de Construção:
5
Acessórios/Características:
6
Qualidade de som:
7
Custo/Benefício:
8
COMPARTILHE
Morais
O Ricardo é natural do Porto e sempre teve um interesse pela tecnologia, começando muito cedo com comboios eléctricos. A seguir vieram as consolas, PS1 e 2 mas rapidamente o gosto pelos PC's começou a aparecer e desde então que esse é o principal hobbie. Acompanha o projecto do JotaReviews desde o início contribuindo mais especificamente para a categoria de Som.